A facilidade, praticidade e segurança que a tecnologia traz para o dia-a-dia através das possibilidades de automação e monitoramento remoto via software e app.

Casas inteligentes

Graças à Internet, hoje em dia é fácil configurar praticamente qualquer aparelho eletrônico em sua casa para que você possa controlá-lo a partir de um navegador da Web em qualquer lugar do mundo.

Essa facilidade saiu das telas de cinemas para virar uma realidade cada vez mais presente em nosso dia a dia.

 

A definição de automação residencial

A automação residencial faz o que diz: permite configurar e automatizar vários dispositivos dentro e fora da casa, trabalhando juntos de maneira automatizada no contexto de uma casa conectada.  Graças à automação residencial, você pode monitorar e controlar os componentes dentro e fora de sua casa com as fundações de infra-estrutura para uma casa verdadeiramente inteligente ou conectada, onde tecnologias de operação elétricas, mecânicas e outras tecnologias (TI) inteligentes atendem a Internet das Coisas.

 

O que é uma casa inteligente?

Uma casa inteligente é aquela em que os vários aparelhos elétricos e eletrônicos são conectados a um sistema central de controle por computador para que possam ser ligados e desligados em determinados momentos, através desse sistema.

Na forma mais avançada de casa inteligente, há um computador que faz o que você normalmente faz: monitora constantemente as câmeras da casa e liga e desliga os aparelhos de acordo com sua programação. Assim, por exemplo, ele monitora os níveis de luz que passam pelas janelas e automaticamente levanta e abaixa as persianas ou acende as luzes ao anoitecer. Ou detecta movimentos pelo chão e responde apropriadamente: se ele sabe que você está em casa, ele liga a luz e a música em salas diferentes enquanto você caminha entre elas; se souber que você está fora, soa um alarme de intrusão.

 

Como as casas inteligentes funcionam?

Supondo que você não esteja (ainda) na liga Bill Gates de ter uma casa inteligente multimilionária construída a partir do zero, você provavelmente estará mais interessado em adicionar um pouco de automação aos seus aparelhos existentes com o mínimo de barulho possível. Casas modestamente inteligentes como essa variam em complexidade, desde sistemas básicos que usam alguns módulos plug-in e cabeamento de eletricidade doméstica até sistemas sem fio sofisticados que você pode programar pela Internet. Aqui estão os mais comuns:

 

Módulos Plug-in X-10

Você conecta cada aparelho que deseja automatizar em uma pequena unidade de controle (geralmente chamada de módulo) e conecta-a ​​a uma tomada comum. Usando uma pequena chave de fenda, você ajusta dois mostradores em cada módulo.

O X-10 tornou-se um padrão internacional para controlar aparelhos, mas não é o único sistema que funciona dessa maneira.

Sistema X-10 controlado por computador

Se você quiser executar uma configuração mais sofisticada, com muitos dispositivos diferentes sendo ativados e desativados de várias maneiras diferentes, convém usar seu computador doméstico como controlador. Isso é fácil também! Você compra um kit de interface de computador doméstico X-10 que inclui um módulo (que se conecta a uma tomada como qualquer outro módulo), um cabo de interface para conectar o módulo ao computador (usando uma porta serial ou USB padrão) e alguns softwares. O software típico mostra uma representação gráfica de todos os seus dispositivos e permite definir padrões de ativação / desativação por um dia, uma semana ou até mais. Há o software X-10 para sistemas Windows e Linux.

Sistema de Internet sem fio

Um sistema X-10 controlado por computador com uma interface que você pode acessar pela Web. Com um sistema como este, você pode ligar webcams para assistir a sua casa (ou seus animais de estimação), ligar e desligar aparelhos em tempo real, ou até mesmo reprogramar todo o sistema.

 

Enfim

Talvez você ainda esteja em dúvidas se realmente precisa desses recursos. Você precisa comprar ainda mais aparelhos apenas para controlar os que você já tem?

Não é tão fácil adquirir o hábito de mudar as coisas sozinho. Você pode imaginar e se, ao invés vez de fazer grandes esforços para ligar a sua casa enquanto estiver fora de férias, você ficar amigo dos vizinhos e pedir-lhes que cuidem de sua casa para você? Mas, melhor ainda, e se ao invés disso você utilizar um aplicativo que te permita acessar sua casa de onde quer que você esteja? Para muitos de nós, uma casa é realmente uma máquina para viver – e se é assim que você gosta de viver, tudo bem. Mas é importante lembrar que existem muitas alternativas para facilitar seu modo de viver e que a automação residencial inteligente permite que você aproveite a funcionalidade e facilidades de alta tecnologia que não eram possíveis no passado.

À medida que o desenvolvimento de tecnologia continua a se expandir, também se expande as possibilidades de automação doméstica para tornarem a vida mais fácil e mais agradável. A escolha é sua.

 

A JFL possui softwares e aplicativos que podem auxiliar nessa questão como por exemplo o Active Mobile V3 ou o WD-Mob V2.

Saiba mais em

https://jfl.com.br/produtos/alarmes/aplicativo-e-software-alarmes/